Siga-nos
  • Facebook
  • G+
  • Twitter
  • Orkut
Aproveitando os Descontos da Black Friday

Aproveitando os Descontos da Black Friday

Postado Por: Kamila Nascimento em 26 de novembro de 2014.


Aproveitando os Descontos da Black Friday

“Black Fraude” ou “Black Friday de Pinóquio”, assim é conhecida a versão brasileira da sexta-feira de descontos criada nos Estados Unidos. A má fama da campanha no Brasil é tanta que virou piada nas redes sociais e é um dos assuntos mais comentados no Twitter. A principal reclamação é em relação aos falsos descontos. Os internautas criticam que as lojas oferecem produtos por metade do dobro, insinuando que os preços são inflacionados às vésperas da promoção para ludibriar o consumidor.

A reclamação não é a toa. No ano passado, fiscais do  Procon da Bahia fiscalizaram lojas físicas do estado e sites de compra online durante a promoção e encontraram irregularidades em 30% dos estabelecimentos vistoriados. A ação foi realizada em duas etapas, primeiro os agentes levantaram os preços antes do período da campanha e no dia do Black Friday voltaram às lojas e sites para verificar se os preços haviam sido maquiados.

Além desse tipo de infração, os fiscais constataram discrepância entre a oferta publicitária e os valores trabalhados nos estabelecimentos e ausência de informação com relação às condições de pagamento. Apesar das irregularidades, o superintendente do Procon, Ricardo Maurício Freire, diz que o Black Friday é uma boa oportunidade para antecipar as compras de Natal com desconto.

“A Black Friday não é necessariamente Black Fraude. Entendemos que, se o consumidor tiver cuidados, pode se beneficiar desse período, que coincide com o pagamento da primeira parcela do 13º. É uma chance de antecipar compras de Natal com preços mais vantajosos”, defende.

Pesquisa

A precaução para garantir bons descontos começa antes mesmo desta sexta, 28. Para isso, o superintendente do Procon recomenda que o consumidor faça uma pesquisa antes da campanha, para ter noção dos preços de mercado do produto de interesse.

Outra orientação para fugir de artimanhas, é consultar os sites de buscas de preços, como Buscapé eBaixou. Esse último, inclusive, oferece uma ferramenta bem útil: o Baixou Agora. O programa rastreia o preço do produto que você estiver visualizando e informa se há outra loja vendendo mais barato. Mas o principal diferencial é disponibilizar o gráfico de evolução do preço. Ou seja, é possível verificar se o produto foi inflacionado na véspera da Black Friday.

Ricardo Maurício Freire também sugere a consulta ao Portal do Consumidor, que é alimentado por todos os Procons do Brasil. Nessa página é possível verificar uma relação de sites confiáveis para comprar.

Outra estratégia é verificar se o site que você pretende comprar possui o selo “Black Friday Legal”, que é uma certificação que a empresa compactua com o código de ética da campanha, que condena as promoções maquiadas. Quem descumprir a regra, não recebe o selo no próximo ano. O código foi criado pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Câmera E-Net) com o objetivo de melhorar a credibilidade do Black Friday no Brasil. Atualmente, mais de 412 sites receberam a certificação.

Na hora da compra também é recomendado fazer um print da página do site. O superintendente do Procon explica que esse documento pode ser usado como prova das especificações do produto ofertado. Em caso de insatisfação, o Código do Consumidor prevê um prazo de sete dias para o internauta se arrepender da compra. Ricardo Freire disse que o cliente também pode trocar o produto nas compras em lojas físicas, caso o item tenha algum defeito ou vício.

Expectativa

A versão brasileira da promoção pretende faturar R$ 1,2 bilhão entre zero hora e 23h59 de sexta-feira, 28, um crescimento de 56% em relação à campanha de 2013, de acordo com a E-bit, empresa especializada em comércio eletrônico.

A expectativa não é irreal, já que uma pesquisa do site Zoom indicou que 99% dos 10 mil entrevistados pretendem aproveitar os descontos nas vésperas do Natal. Os smartphones são “a menina dos olhos” desses possíveis clientes, que também têm interesse nas TVs e notebooks com preços mais em conta.

Como Aproveitar os Descontos Oferecidos

• Leia com atenção as condições de pagamento das lojas participantes e aproveite estabelecimentos que ofereçam compras via boleto. Os descontos podem chegar a 10%.

• Utilize aplicativos ou sites com comparação de preços para avaliar onde estão as melhores ofertas.

• Quando encontrar uma promoção que interesse, não perca tempo. Como há muito tráfego, os estoques podem acabar em poucos minutos.

• Fuja dos horários de pico (meia-noite, meio-dia e após 18h), que podem ter sites congestionado e problemas para concluir a compra.

Fique Atento aos Problemas Mais Comuns

• Lojas anunciam a promoção, mas ao clicar para efetuar o pagamento, o preço antigo acaba sendo cobrado.

• Sites não informam quando o estoque encerrou, e clientes são direcionados para uma “lista de espera”, sem serem avisados.

• Vendedores falsos usam redes sociais para publicar fotos de produtos a preços muito bons. Ao comprar, o usuário fornece informações pessoais que são roubadas.

• Lojas anunciam desconto em um determinado percentual, quando, na realidade, é o valor normal do produto.

Não Entre Numa Fria

• Faça uma pesquisa dos preços antes e na data, para avaliar se os descontos anunciados são verdadeiros. O ideal é fazer essa pesquisa um mês antes.

• Prefira os sites mais conhecidos, e informe-se das políticas de privacidade e de troca e devolução de produtos.

• Confira a reputação da empresa em comunidades de consumidores, como avaliação de usuários, incidência de reclamações e problemas recorrentes.

• Não compre presentes para o Natal, porque o risco de atraso é grande. Muitas lojas esgotam os estoques e continuam vendendo, o que pode causar atraso na entrega.



Compartilhe:



Comentários | Comente pelo Facebook:



Deixe uma resposta


Destaques Regionais
A-Rebimbela-Dia-de-Makita-Id
Sucesso no Dia de Makita
Com muitas participações, demonstrações e fechamentos de negócios, assim foi o Dia de Makita na loja de Altônia da A Rebimbela. O evento foi realizado na ...
16184647673006
Você Pode ser Banido do WhatsApp
Não existe qualquer dúvida de que o WhatsApp seja o mensageiro instantâneo mais usado da atualidade. Junto com o Facebook Messenger, ele praticamente forma u...
vida-enroladaq
Sua Vida está “Enrolada”?
Sua Vida está “Enrolada”? Parece que tem um “monstrinho” que vive somente para enrolar os fios do fone de ouvido do celular dentro da gaveta, bolsa, bo...
UNIP-Polo-Altônia-Design-de-Interiores-ID
Novos Cursos na UNIP Polo Altônia
A Universidade Paulista através do Polo UNIP Altônia apresenta dois novos Cursos de Graduação: Design de Interiores e Gestão de Serviços Jurídicos, Notar...



Conteúdos Relacionados
Aproveitando os Descontos da Black Friday \"Black Fraude\" ou \"Black Friday de Pinóquio\", assim é conhecida a versão brasileira da sexta-feira de descontos criada nos Estados Unidos. A má fama ...


Classificados
Agora é a Vez de Iporã: Arraiá do Bom Preço Max
Confira as Ofertas Semanais do Supermercado Bom Preço Max, válidas até 20 de julho de 2019 nas lojas de Altônia e Iporã.
Oferta Maluca no Supermercado Luiz
Confira a Oferta Maluca no Supermercado Luiz, válida para 15 de Julho de 2019.
Muito Mais por Muito Menos no Mendes
Confira as Ofertas Muito Mais por Muito Menos no Supermercado Mendes em Pérola, validas até 15 de julho de 2019.
Vagas de Emprego em Altônia
A Agência do Trabalhador de Altônia em parceria com empresários oferecem diversas vagas em 25/06/2019 na cidade de Altônia. Confira!
  • Voltar
  • Avancar